23 dezembro 2013

O Presépio

By, [miss]Framboesa
Entretanto fiz o presépio.Quase estive para o não fazer.Não tenho tido muito tempo e continuo desengonçada das costas. 
Mas fiz e soube-me bem fazê-lo.
Enquanto dispunha as figuras com mais de 25 anos pelo musgo, ía murmurando como já faço há tantos anos:"Tu vais para aqui" "Tu ficas aqui como de costume".
Sou um pouco déspota com o presépio...
Recordo-me da minha mãe também a dizer:"O cão fica sempre junto ao pastor" "A senhora vem da fonte com a bilha na cabeça"...E eu própria sigo estes passos, nem deixo que seja de outra maneira...Não faz qualquer sentido a lavadeira estar longe do lago nem a senhora com o burro carregado de sacas (de farinha)vir de outro lado que não seja o moinho...

(Claro que as casas serem mais pequenas que o pastor ou haver um galo maior que a igreja e um padeiro saído diretamente do Sec.XX faz todo o sentido).







Por isso acabo sempre por o fazer sozinha, com os meus pensamentos, a recordar natais passados...E nestes momentos sinto o Natal a correr-me cá dentro, mas um Natal diferente, aquele que se instala dentro de nós e nos faz ter esperança num futuro melhor, pelo simples grande fato que Jesus nasceu.
Xo,Xo, F.

Sem comentários:

Enviar um comentário

Yep! Se fosse a vocês escrevia qualquer coisa, senão fico a pensar que eu é que tenho razão(Obrigada)