13 maio 2015

Rumo aos... (qualquer coisa menos o que tenho hoje)

By, [miss]Framboesa
Update do 1.º mês :

O chato:
Aquela coisa de no "1.º mês tu notas qualquer coisa, no 2.º os amigos notam..." e blah blah blah? Hummm... eu não notei grande coisa, o espelho não notou grande coisa, a balança notou muito pouco (menos 1,5 kg) ... 

O bonzinho:
Estou mais tonificada não haja dúvida ( o que não me vale de muito porque a roupa teima em não servir).Continuo dorida às vezes, o que significa que me tenho superado em termos de treino e ainda aando a martelar musculos nunca antes martelados.

O sim sanhores:
Fora as excepções em dias de festividades (e ainda foram algumas, pah) tenho-me portado condignamente em termos de chafurdices à mesa, jantado sopinha sem batata, bebido os danacois, enfardado um mix de sementes (feito por mim com tudo o que é chia, linhaça, spirulina e afins). Comecei a adicionar gengibre, hortelã e limão ao meu chá diário, diz que faz bem, mal não fará, espero eu (e o fato de me fazer arder tudo por dentro é prova disso, o que arde cura já dizia a minha avó). 
Também tenho feito passadeira 5 vezes por semana, apenas falhei duas vezes devidamente compensadas com uma frenética lida doméstica no fim de semana seguinte. Com pena minha não posso correr, mas passei de 30 minutos a 5,8 km hora para 50 minutos a 6,4 km hora. Sem me doerem os joelhos nem as costas (well done girl!).

Daqui a um mês voltamos a "conberssar".
Xo,Xo, F.

Vou sentir falta da tua chafarica pah

By, [miss]Framboesa

E pronto.Um dos meus blogs favoritos, aquele que consulto todos (todinhos) os dias e a que volto sempre.O responsável por ter passado a ter como critério dos produtos que compro, não o fato de "não me fazerem mal" mas o fato de me "fazerem visivelmente e saudavelmente bem". Mas não só.Um blog cheio de pensamentos, ideias, que não se conformava com coisinhas, marcas, patrocínios e parcerias da treta, original e irreverente. Um blog adulto, mas com um lado traquina irresistivel.Pena que seja a excepção numa blogosfera cada vez mais artificial e comercial. Vou ter tantas saudades das tuas coisas e cenas!
Xo,Xo, F.

05 maio 2015

Cinco de maio

By, [miss]Framboesa

Quem me havia de dizer
17 anos já passaram
Sem que o pudesse prever
os nossos destinos se cruzaram

Cinco de maio, com festejos
(Como os "amigos americanos")
Foram trocados  beijos...
Já passaram 17 anos?!

...E um dia regressámos
Fizemos de novo magia
Cinco de maio, como sonhámos
Amor selado ao cair do dia

Recordo estes momentos
Que alimentam esta união
Palavras trocadas ao vento
Olhos cheios de paixão

E no meio da pieguice
Confesso-me emocionada
mas lembro-me da maluquice
E logo dou uma gargalhada!

Sempre que estivermos assim
Nunca nos sentiremos sós
Amo que gostes de mim
...E eu gosto tanto de nós!



Xo,Xo, F.

04 maio 2015

Fomos voar e shop 'till we drop

By, [miss]Framboesa
O sol continuava envergonhado...mas hoje estava calor!(pelo menos de manhã). Tomámos o pequeno almoço no hotel (confraternizámos mais uma vez com hóspedes brasileiros), apanhámos um I-Trolley e rumámos ao I-Fly Indoor Skydiving
I-Troley
O "vôo" do M. foi marcado online para as 9 horas, mas como tinhamos que estar lá meia hora antes, ficámos a observar os outros "voadores" que por lá estavam que já eram pro e faziam piruetas pelo túnel...estávamos a ficar com nervoso miudinho, ele porque era a primeira vez e tinha receio de não perceber as instruções, eu porque...ora...porque sou "eu" ... 

Nota: havia a possibilidade de marcar este vôo com desconto em vários sites, mas através das reviews constatámos que quando assim era, o vôo era agendado de um modo aleatório o que poderia atrapalhar o planeamento do dia, por isso optámos por marcar com hora pre-definida.
I-Fly Orlando
Depois de se equipar, e de receber todas as explicações necessárias, lá foi o M. com o seu orientador de vôo para o tunel de vôo.E foi giríssimo! Parecia que estava a planar no ar, o vento era tal que as bochechas dele abanavam de um modo cómico.O auge da sessão foi quando o orientador o levou até ao cimo do tunel várias vezes a uma grande velocidade :)
Vôo do M.
Saímos do I-Fly com destino ao Orlando International Premium Outlets mas não sei que raio fizemos, desorientamo-nos na avenida para onde devíamos virar e andámos 10 minutos na torreira do sol em sentido contrário ao devido... (bah). Depois de voltarmos todo o caminho para trás lá demos com a localização correta da paragem.Pelo caminho fomos vendo mini-outlets e inocentemente planeámos passsar por alguns deles na volta.Inocentemente porque o Premium Outlet da I-Drive era grande.Não.Era enorme. É uma característica dos Outlets da Florida, mas ninguém nos tinha preparado para o fato dos preços nas lojas serem mesmo 60%.70%,80% mais baixos que o preço normal. E nem sequer eram monos! Se ao início da tarde não havia muita gente, mais para o final havia gente por todo o lado, pessoal com trolleys cheios de compras, muitos (muitos) brasileiros a comprar coisas em serie para depois vender no Brasil onde os preços são exorbitantes...

Algumas ruas do Outlet ainda de manhã
Perdi a cabeça na Guess


E nós que nem somos os maiores consumistas do mundo perdemo-nos completamente...Sem que dessemos pelo tempo passar estivemos lá até ao fim da tarde, quando comemos um hamburguer do Five Guys (entrou para o top 5 e arrependemo-nos de o ter desprezado em Londres por acharmos que era fast food...aqui estava muita coisa gourmet senhores....hummmm) e decidimos que era tempo de regressar.Sim, cheios de sacos.
Five Guys
Perdi a cabeça em mais lojas, aliás...
Dica: levar um mapa com o que interessa visitar assinalado.Não, não vai haver tempo para visitar tudo.

Chegámos ao hotel derreados, mas queríamos muito ir ao City Walk (já que no dia seguinte era sexta e aquilo ía estar a pinha de certeza), por isso enchemo-nos de coragem e mesmo com os músculos todos doridos e a "paciência cansada" apanhámos um taxi para os Universal Studios. Não havia muita gente na rua (estava mais uma vez um briol á noite) pensámos por isso que seria fácil arranjar um restaurante. Mexicano não, porque íamos comer comida mexicana na semana seguinte.Fomos até ao Bob Marley,já estávamos até sentados,mas a música estava tão alta que nem conseguíamos ouvir os nossos pensamentos. Da ementa do Margaritaville, apesar de ter um ambiente muito giro, não conseguíamos escolher nada.Não queríamos sandes, nem hamburguers e com o frio que estava não puxava para o sushi
Mexicano

Margaritaville
Margaritaville

Entrada do City Walk
E pizza? "Whennnnn, pizza, isso comemos em casa...".E o tempo ía passando, e estávamos com frio, regressámos meio contrariados ao Red Oven Pizza que pelo menos estava quentinho por causa do forno de lenha.E gostámos.Gostámos muito...hummm...pizza de forno de lenha com rúcula e ingredientes frescos.

Já mais compostinhos fomos dar uma volta pelos bares da City Walk, visitámos o maior Hard Rock Cafe do Mundo e acabamos por ficar no Pat O' Briens  para um duelo de pianos.
O meu pé no pé do Michael Jordan (tenis a fazer pendant)

NBA City

HRC-O maior do Mundo


Interior do HRC (a imitar o de Lisboa, cof cof cof)
Nós somos fãs de piano bares/singalong bares, e com muita pena nossa não é fácil encontrar em Portugal, por isso sempre que estamos em algum país com alguma tradição neste tipo de entretenimento, aproveitamos.Foi um ótimo fim de serão, o bar estava animado com todos a cantarem em uníssono, o dueling piano divertiu-nos e não fosse o cansaço acumulado (não, nos livrámos dele até ao fim da viagem) ficávamos até bem mais tarde. 
Pat O' Briens - Duelo de pianos
Amanhã tinhamos mais um dia nos Universal Studios, o último dia em Orlando antes do cruzeiro.
Xo,Xo, F.