24 novembro 2014

Querido Pai Natal

By, [miss]Framboesa

Atrasei-me.Atrasei-me,pronto.

Noutros anos por esta altura já tenho os presentes de Natal quase todos comprados.Linda menina.

Este ano tem sido o que sabes. Entre constipações, preguiça, mazelas, preguiça e preguiça, estou muito atrasada.

Não comprei quase nenhum presente. 
(Na verdade comprei um, unzinho.Um.Hoje.)

E não me parece que a coisa vá avançar muito nas próximas duas semanas.
Depois junta-se a decoração da casa e sabes ao que me refiro e as horas que a coisa demora (vá lá que o presépio já tenho...Ah não sabias?Pois olha, já tenho, mas isto dava para outro post), as festas natalícias...Parece que vou ver ao vivo e a cores o que seja o tal de stress natalício...

Por isso das duas uma, ou este ano fazes o teu serviço (é uma noite por ano, vá lá...para o ano trato de tudo em Agosto...) ou começo uma nova tradição de presentear nos Reis.(Secalhar devia já dar uma palavrinha ao Belchior).

E era isto. 

Bjs Framboesa (procura na lista das meninas boazinhas, ou então na outra para o caso de estar lá por engano)
Xo,Xo, F.

09 novembro 2014

Na volta é um ódio de estimação e eu não sei

By, [miss]Framboesa

Estão de novo na moda mas já quando estavam na moda há 30 anos não gostava nada de tenis brancos que eu na altura chamava "á enfermeira".Falo dos tenis tipo Stan Smith. (Acho-os horriveis).Sei que é uma coisa minha porque são um best seller...

Aliás não só não gostava deste genero de tenis brancos como não gostava de nenhuns tenis desportivos brancos e lembro-me de ser estranhada pelas minhas colegas quando me apresentei nas aulas de Educação Física com uns tenis pretos (de rapaz, pois claro, há quase 30 anos não havia cá essas coisas para rapariga).

Nunca serei uma fashion adviser.
Xo,Xo, F.

07 novembro 2014

Muito, permanente e em abundancia!

By, [miss]Framboesa
Já se inventou tudo e tudo e tudo, o pessoal enriquece à conta de nada, por isso a minha esperança de enriquecer á pala de um novo combustível tem crescido em mim (li-te-ral-men-te) nos últimos dias.
Porque se eu conseguisse fazer uso dele, meus senhores,ficava rica.
Rica!

Refiro-me ao ranho que abunda na minha vida nos últimos tempos.

Não sei como transforma-lo em combustível ou em qualquer coisa rentável, mas não me conformo dispor de tanto espécime e em tanta abundância e não fazer mais nada com ele senão despejá-lo para lenços, papel higiénico ou o que tenha a mão.Tem que haver algum modo de fazer render isto, porque ainda agora estamos em Novembro e a coisa vai durar.

Assim como assim, aproveita-se a baba de caracol, certo?
Xo,Xo, F.

04 novembro 2014

5 Razões para ser feliz #5

By, [miss]Framboesa

...Em Novembro

1. Flanelas e pantufas
2. Compras de Natal
3. Dar graças lá mais para o fim do mês
4. One Republic + Girls Nigh Out! (yuheee!)
5. Uma escapada a dois, para visitar o Tin-Tin